Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

No dia Mundial da Saúde Ocular, Hospital Regional do Sudeste do Pará dá dicas de prevenção

 
 -   /
/ /

O Dia Mundial da Saúde Ocular, lembrado em 10 de julho, foi criado para alertar a sociedade sobre os cuidados necessários com os olhos. Em todo o planeta, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), ao menos 2,2 bilhões de pessoas têm algum problema de visão, dos quais quase metade dos casos são evitáveis ou passíveis de correção.

Para a Oftalmologista da Pró-Saúde, Emanuela Pimentel, a prevenção sempre é a melhor opção, por isso, é importante realizar consultas regulares com especialista, além de adotar bons hábitos, que ajudam a impedir que doenças relacionadas aos olhos se manifestem.

"É importante prevenir, proteger e cuidar dos olhos. Eles são constantemente expostos a uma série de fatores ambientais que podem irritá-los, como a poeira, raios UV, partículas estranhas, entre outras coisas. O importante é saber o que faz bem e o que pode prejudicar os olhos", ressaltou a médica, que atua no Hospital Regional do Sudeste do Pará, gerenciado pela Pró-Saúde em Marabá (PA). A unidade é mantida pelo Governo do Estado e presta atendimento 100% gratuito via Sistema Único de Saúde (SUS).

*Confira sete dicas da especialista para uma boa saúde dos olhos:*

1- Faça consultas periódicas com o oftalmologista. Somente ele é capaz de avaliar a qualidade da visão e as condições oculares, atualizar o grau dos óculos, se necessário, além de verificar a pressão intraocular e avaliar a retina;
2- Se precisar de óculos de grau, use-os. A correção da visão com os óculos evitará sintomas como dor de cabeça e cansaço visual;
3- Faça uso de óculos escuros. Os raios UV causam danos precoces na retina, com envelhecimento celular e catarata precoce;
4- Cuide dos seus olhos mais atentamente no tempo seco. A baixa umidade do ar causa ressecamento ocular com vermelhidão, ardência e irritação. Atente-se para o uso de ventiladores e ar condicionados, que ressecam ainda mais, pois ocasionam a evaporação das lágrimas e prejudicam a lubrificação dos olhos. Uma opção, neste período, é utilizar "lágrimas artificiais", ou seja, colírios;
5- Evite consumo de bebidas alcoólicas e cigarros. O álcool, além de causar desidratação, também gera toxinas que causam envelhecimento ocular. A fumaça do cigarro, e os produtos levados junto com o tabagismo, podem ocasionar problemas na retina e nos tecidos oculares;
6- Tenha uma vida saudável, com alimentação balanceada. Isso influência em todo o corpo e também nos olhos. No geral, alimentos da cor verde escura são benéficos para a retina;
7- Tenha boas noites de sono. É importante dormir pelo menos oito horas por dia, pois os olhos também precisam descansar.

*Referência*
Em 2019, Hospital Regional do Sudeste do Pará realizou mais de dois mil procedimentos oftalmológicos, de média e alta complexidade, com quatro oftalmologista de renome na região. Somente no ano passado, a unidade promoveu mais de 200 cirurgias a pacientes de 22 municípios da região.

*Sobre a Pró-Saúde*
A Pró-Saúde é uma entidade filantrópica que realiza a gestão de serviços de saúde e administração hospitalar há mais de 50 anos. Seu trabalho de inteligência visa a promoção da qualidade, humanização e sustentabilidade. Com 16 mil colaboradores e mais de 1 milhão de pacientes atendidos por mês, é uma das maiores do mercado em que atua no Brasil. Atualmente realiza a gestão de unidades de saúde presentes em 24 cidades de 12 Estados brasileiros — a maioria no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde). Atua amparada por seus princípios organizacionais, governança corporativa, política de integridade e valores cristãos.

A criação da Pró-Saúde fez parte de um movimento que estava à frente de seu tempo: a profissionalização da ação beneficente na saúde, um passo necessário para a melhoria da qualidade do atendimento aos pacientes que não podiam pagar pelo serviço. O padre Niversindo Antônio Cherubin, defensor da gestão profissional da saúde e também pioneiro na criação de cursos de Administração Hospitalar no País, foi o primeiro presidente da instituição.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE