Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Saint Laurent, Gucci e Balenciaga vão fabricar máscaras para conter coronavírus

Marcas francesas de luxo vai enviar três milhões de máscaras cirúrgicas aos serviços de saúde franceses. Grupo das empresas também fez doação para pesquisas sobre Covid-19.

 
 -   /
/ /

As marcas francesas de luxo Saint Laurent e Balenciaga e a italiana Gucci estão fabricando máscaras para suprir a escassez na luta contra a propagação da pandemia de coronavírus, anunciou o grupo Kering ao qual as três pertencem.

"As oficinas francesas das casas Balenciaga e Yves Saint Laurent estão se preparando para a fabricação de máscaras assim que as autoridades competentes aprovarem o procedimento e os materiais", disse Kering.

O comunicado também acrescentou que a produção será realizada com "as mais rigorosas medidas de proteção sanitária para seus trabalhadores".

As máscaras serão entregues aos serviços de saúde franceses em breve. Serão três milhões de máscaras cirúrgicas que o grupo adquirirá na China e enviará para a França, segundo um comunicado.

A Gucci, por sua vez, prometeu fabricar 1,1 milhão de máscaras cirúrgicas e 55 mil aventais para os trabalhos da área de saúde na Itália, o país mais afetado pela pandemia.

O grupo Kering também fez uma doação, de valor não revelado, ao Instituto Pasteur na França para apoiar pesquisas sobre a Covid-19.

A rival de Kering, a gigante de luxo LVMH, começou há uma semana a fabricação "em grandes quantidades" de álcool gel para hospitais em três de suas fábricas francesas, normalmente destinadas aos perfumes e cosméticos da Dior, Guerlain e Givenchy.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE