Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Foguetes atingem área próxima à Embaixada dos EUA em Bagdá

Zona Verde, região da capital iraquiana que abriga embaixadas, sofreu outras ações com foguetes neste mês. Além das manifestações violentas, crise entre EUA e Irã tem afetado o Iraque.

 
 -   /
/ /

Três foguetes atingiram nesta segunda-feira (20) na Zona Verde, região próxima à Embaixada dos Estados Unidos em Bagdá, capital do Iraque, informaram as agências France Presse e Reuters.

Segundo fontes policiais, a ação não deixou vítimas. Até a última atualização desta reportagem, não se sabia quem lançou os foguetes ou se os projéteis tinham como alvo a Embaixada dos EUA em Bagdá.

Ainda de acordo com a agência Reuters, os três foguetes foram lançados do distrito de Zafaraniyah, fora de Bagdá. Dois dos projéteis caíram perto da Embaixada dos EUA — as fontes não disseram o quão perto foi isso.

As explosões ocorreram horas depois de um confronto entre policiais e manifestantes no centro de Bagdá deixar ao menos seis pessoas mortas. Dezenas outras ficaram feridas.

Explosões na Zona Verde

Em 8 de janeiro, dois foguetes caíram também na Zona Verde — região de Bagdá onde a representação norte-americana fica instalada. Segundo fontes policiais, um dos projéteis caiu a cerca de 100 metros da Embaixada.

A Zona Verde também teve explosões em 4 de janeiro, quando foguetes caíram também em outras partes da capital iraquiana. A ação ocorreu no mesmo dia em que milhares de pessoas estavam nas ruas para o funeral do general iraniano Qassem Souleimani, morto um dia antes no aeroporto de Bagdá em uma ofensiva coordenada pelos Estados Unidos.

  • VEJA TAMBÉM: Irã pode adquirir armamento russo em 2020

Foguetes caem na Zona Verde em Bagdá — Foto: Cido Gonçalves/G1 Foguetes caem na Zona Verde em Bagdá — Foto: Cido Gonçalves/G1

Foguetes caem na Zona Verde em Bagdá — Foto: Cido Gonçalves/G1

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE