Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Ataque a base militar no Níger deixa dezenas de mortos

Atentado ocorreu em região no noroeste da África onde agem grupos terroristas ligados ao Estado Islâmico.

 

Um ataque a uma base militar no Níger, país no noroeste da África, deixou ao menos 70 mortos nesta quarta-feira (11). De acordo com a agência Reuters, é a ofensiva mais mortal contra as forças de segurança nigerinas na história.

A ofensiva ocorreu no vilarejo de Inates, no oeste do país e perto da fronteira do Mali — outro país afetado por grupos extremistas. Perto dali, em maio em julho, cerca de 50 soldados morreram em diferentes ataques de autoria do braço africano do Estado Islâmico.

Até a última atualização desta reportagem, nenhum grupo terrorista que age na região reivindicou autoria. Facções extremistas ligadas ao Estado Islâmico e ao Boko Haram estão presentes em países como o Níger, Mali, Burkina Faso, Mauritânia e Chade.

Por causa do ataque, o presidente do Níger, Mahamadou Issoufou, teve de retornar da viagem oficial que faria ao Egito.

Níger em emergência

Segundo a BBC, o Níger passa por estado de emergência, declarado há dois meses. Pouco antes do ataque, o governo local pediu uma extensão da medida por outros três meses, devido à crescente violência terrorista no país.

Em janeiro, militares do Níger mataram ao menos 200 terroristas do grupo Boko Haram em operações terrestres e aéreas.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE