Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

POLICIA

Casal é preso em Aparecida de Goiânia por estelionato em transação imobiliária

 

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da 2ª Delegacia Distrital de Polícia (DDP) de Aparecida de Goiânia, cumpriu mandados de prisão preventiva em desfavor de Keila Ribeiro de Melo, 42 anos, e seu esposo Cláudio Nogueira Nunes, 50 anos, pelo crime de estelionato, cuja pena varia de reclusão de 1 (um) a 5 (cinco) anos, sendo ambos recolhidos no complexo prisional de Aparecida de Goiânia, à disposição do Poder Judiciário.

Durante as investigações, ficou apurado que Keila Ribeiro, que atuava como corretora de imóveis, intermediou a venda do ágio de uma residência pelo valor de R$ 27.000,00 (vinte e sete mil reais). O valor foi depositado na conta de Cláudio Nogueira, marido de Keila. A vítima, após assinar a documentação da transferência do ágio da residência dentro do cartório, foi ludibriada pela autora Keila, que alegou que o dinheiro seria depositado em sua conta no dia seguinte, porém o valor não foi repassado.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE