Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

POLICIA

Presa em flagrante 8220;família do tráfico 8221; em Águas Lindas; familiares vendiam lança-perfume

 

Os policiais civis do Grupo de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Águas Lindas de Goiás prenderam, na última sexta-feira (11), uma associação de pessoas dedicadas ao tráfico de drogas. As principais drogas vendidas eram o lança-perfume (conhecido como Loló) e maconha. Os traficantes atuavam principalmente em dois bairros de Águas Lindas: Jardins da Barragens I e II.

As quatro pessoas envolvidas e presas são de uma mesma família: Rosemeire Lopes de Souza, conhecida como Tia do Loló; Edimar Alves Costa Júnior, seu marido; Mayara Lopes de Souza e Jairo Carvalho de Oliveira, filha e genro da primeira. Na casa da Tia do Loló foram encontrados mais de 20 litros de lança-perfume em um galão, além de garrafas já dosadas para a venda, bem como diversas porções de maconha e grande quantia em dinheiro, muitas garrafas vazias, balança de precisão e outros objetos.

O movimento na casa de Rosimeire era intenso, chegando a vender mais de um galão de 20 litros de Loló por dia. Já na casa de Mayara e Jairo, os policiais encontraram um tablete de maconha pesando mais de meio quilo, munições calibre .38, balança de precisão e centenas de embalagens usadas para embalar cocaína e maconha. Ao ser revistada, foi encontrado um revólver calibre 38 escondido por dentro do sutiã de Mayara, sendo localizado ainda em dos um dos quartos da casa um simulacro de pistola. A equipe ainda efetuou diligências até encontrar e prender Jairo Carvalho, que não estava em casa no momento.

Em nenhum momento, os presos negaram ser traficantes. Se condenados pelos crimes cometidos, os envolvidos podem ter uma pena de até 15 anos de prisão.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE