Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

BOLETIM AGRO: Mapa faz planejamento para desenvolvimento agropecuário no Nordeste

Plantio da safra 2019/2020 já atingiu cerca de 10% da área total no Paraná

 
 -   /
/ /
ÁUDIOTEXTO PARA RÁDIOFoto: Carlos Silva /MAPAOlá, eu sou o Raphael Costa e esta é mais uma edição do Boletim Agro.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) lançou o AgroNordeste, plano de ação que tem como objetivo impulsionar o desenvolvimento agropecuário na região Nordeste. O programa será implementado no biênio 2019/2020, e movimentará 230 municípios. Quem vai nos dar mais informações sobre esse projeto é a jornalista Carla Mendes, do Notícias Agrícolas.

Seja bem-vinda, Carla.

"O programa será implantado nos nove estados da região Nordeste e em alguns municípios no estado de Minas Gerais. Será dividido em 12 territórios, com uma população rural de 1,7 milhão de pessoas. Esse plano se junta a outras ações que são executadas pelo ministério na região como, por exemplo, o programa de aquisição de alimentos, de regularização fundiária, entre outros. O AgroNordeste é voltado para pequenos e médios produtores que já comercializam parte da produção, mas ainda encontram dificuldades para expandir o negócio e gerar mais renda e empregos na região que atua.”

O plantio da safra 2019/2020 já atingiu cerca de 10% da área total no Paraná. Na última semana, a estimativa era de 3%. No entanto, o resultado está abaixo do desenvolvido no mesmo período do ano passado. Carla, nos dê mais detalhes sobre esse cenário.

“Realmente, na mesma época de 2018, o Paraná já tinha 29% da área projetada já semeada, quando o estado paranaense teve o início mais acelerado da história, beneficiado especialmente por chuvas, muito favoráveis ao plantio. Esse ano, com o atraso das precipitações, o atraso dos trabalhos de campo também é uma realidade.”

Graças à colaboração da BRF, gigante do setor de proteína animal, a Polícia Federal e o Ministério Público investigam supostos pagamentos de propinas a auditores. Essa é mais uma etapa da operação “Carne Fraca”, que encontrou fraudes na fiscalização de alguns frigoríficos do país. O que já se sabe sobre essas acusações, Carla?

“Essa espontaneidade da BRF, de ajuda nas investigações, já revelou o pagamento de R$ 19 milhões a fiscais agropecuários federais, que são os principais alvos da operação ‘Carne Fraca’ e, segundo o Ministério Público Federal, sem que tenha firmado qualquer acordo de leniência e sem ser investigada como pessoa jurídica na operação. As pessoas envolvidas que faziam parte da empresa já estão fora da companhia e serão responsabilizadas.”

Carla, obrigado pelos esclarecimentos.

Quem quiser saber mais novidades do agronegócio é só acessar o Notícias Agrícolas, certo?

"É isso mesmo. noticiasagricolas.com.br para ser o produtor rural mais bem informado do Brasil."

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE