Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Jovem suspeito de matar a tiros homem em Oriximiná é preso: ‘Dívida antiga’

Alexandre de Brito contou que Telha o ameaçava e que também estava devendo R$ 1.500 de drogas. Outro jovem também foi preso por guardar a arma do crime.

 
 -   /
/ /

Após dois dias da morte de Clodoaldo Viana Mota, conhecido como “Telha”, a Polícia Civil prendeu o principal suspeito do crime que aconteceu na segunda-feira (9). A prisão de Alexandre William Santos de Brito aconteceu na manhã desta quarta-feira (11).

De acordo com o delegado titular do município, William Fonseca, o jovem já estava sendo investigado por ser o principal fornecedor de drogas em um estabelecido conhecido como “Bar do Cheiro”.

Ao ser preso, Alexandre confessou ser o autor dos dois disparos que mataram “Telha” e que a morte foi provocada por dívida com o tráfico. “Era uma dívida antiga, ele me ameaçava de morte. Era R$ 1.500 e ele só me deu R$ 300 de uma droga aí e disse que não era mais pra eu cobrar ele”, contou em entrevista, o assassino confesso.

O jovem disse ainda que “Telha” teria ido à sua casa na noite do crime e já havia sido agredido pelo homem. Para revidar, depois de alguns minutos armou sozinho uma emboscada para matá-lo, dizendo que iriam usar drogas. A arma usada no crime era de Alexandre e não tinha registro.

Clodoaldo Viana foi morto no bairro Nossa Senhora das Graças, em Oriximiná — Foto: Reprodução/Redes Sociais Clodoaldo Viana foi morto no bairro Nossa Senhora das Graças, em Oriximiná — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Clodoaldo Viana foi morto no bairro Nossa Senhora das Graças, em Oriximiná — Foto: Reprodução/Redes Sociais

A Polícia Civil também prendeu Diego da Trindade Farias, vizinho de Alexandre, por ter guardado a arma do crime. O revólver estava em uma cômoda no quarto de Diego.

Os dois jovens foram levados para a delegacia, interrogados e agora estão à disposição da Justiça. Diego deve responder por posse ilegal de arma de fogo e Alexandre por homicídio qualificado.

Morte de ‘Telha’

Um homem foi morto com dois tiros no bairro Nossa Senhora das Graças, em Oriximiná, no oeste do Pará, nesta segunda-feira (9). O crime aconteceu por volta das 5h e teve como vítima Clodoaldo Viana da Mota, conhecido como “Telha”.

Segundo o delegado William Fonseca, o corpo de “Telha” estava na Rua Alciole Ramos. Após os disparos uma equipe da Polícia Militar chegou até o local e fez o isolamento para preservar a cena do crime e identificar a vítima. Os dois tiros foram efetuados na perna direita e no peito.

Clodoaldo tinha passagens na polícia, a maioria por roubos e furtos, além de tráfico de drogas. Em março deste ano, “Telha” havia sido preso na operação “Boi Gordo” por envolvimento no furto de gado na região de Oriximiná. Era ele quem negociava junto a açougues a carne dos animais furtados e abatidos clandestinamente.

Ainda conforme o delegado, o homem era alvo de investigações por suspeita de participação em furto ocorrido em um mercantil, de onde foram levadas dezenas de botijões de gás.

*Colaborou Márcio Garcia, de Oriximiná

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE