Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Cidades do Sul e Sudeste do país registram madrugada mais fria do ano

Mínima em Curitiba foi de -1ºC; em São Paulo, três moradores de rua morreram por conta do frio de 7,4ºC

 
 -   /
/ /
ÁUDIOTEXTO PARA RÁDIOCréditos: Rovena Rosa - Agência BrasilA chegada de uma frente fria vinda do Atlântico fez com que as temperaturas caíssem nas regiões Sul e Sudeste na última madrugada. Em muitas cidades, a noite deste sábado (6) foi mais fria do ano. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informou que essa massa de ar entrou pela região Sul e deve atingir também o Centro-Oeste.

Em São Joaquim, na serra catarinense, chegou a nevar. Outras cidades do estado registraram temperaturas abaixo de zero. No Rio Grande do Sul, também houve registro de neve em Gramado, Canela, Cambará do Sul e São José dos Ausentes. A mínima registrada em Porto Alegre foi de 3,7 ºC. O frio, inclusive, fez que com o Internacional abrigasse em seu ginásio, o Gigantinho, pessoas em situação de rua. No local, elas receberam comida e foram agasalhadas com cobertores e blusas.

No Paraná, Curitiba registrou 1ºC negativo, a temperatura mais baixa do ano. A madrugada em São Paulo também foi a mais fria de 2019. Os termômetros marcaram 7,4ºC. Na capital paulista, três moradores de rua foram encontrados mortos na manhã deste sábado por hipotermia.

O frio deve continuar neste domingo (7) nas regiões Sul e Sudeste, chegando também ao Centro-Oeste do país. Então, é bom não esquecer o casaco e se manter aquecido no fim de semana.
 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE