Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Funcionários de laboratório contratado pelo IPG denunciam atraso de salários

Segundo as funcionários, o Labex alega que não está recebendo pagamentos da OS que administra o Hospital Municipal de Santarém.

 

Com pagamentos de salários pendentes, funcionários do laboratório do Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo, em Santarém, oeste do Pará, já levaram o problema ao conhecimento do Ministério do Trabalho. A situação se agravou neste mês. Até esta sexta-feira (15), os funcionários não receberam os salários de fevereiro e quando fazerem contato com a empresa, os responsáveis informam que não há previsão para regularizar o pagamento.

O motivo dos sucessivos atrasos seria a falta de pagamento por parte do Instituto Panamericano de Gestão (IPG), OS que administra o Hospital Municipal e a UPA 24H.

Segundo relatos de funcionários, a empresa Labex responsável pelo laboratório do HMS vem tentando honrar os pagamentos de salários, mas também precisa pagar os fornecedores para que não falte reagentes e outros insumos necessários à realização dos exames.

“Temos colegas que estão passando necessidade, porque a única renda que eles tem é desse trabalho no laboratório. Sem receber, eles estão vivendo de favores. Nós sabemos que não é má vontade do laboratório, quer ele também está sendo prejudicado, inclusive nem está atendendo mais as UBSs. Mas não dá pra continuar assim, todo mundo tem seus compromissos, suas necessidades e precisa receber”, disse um funcionário que não será identificado para não sofrer represálias.

O G1 fez contato com os representantes da Labex e aguarda posicionamento da empresa acerca da denúncia feita por funcionários.

O laboratório terceirizado funciona desde agosto de 2018, quando sua implantação com equipamentos de ponta para assegurar rapidez e precisão nos resultados de exames, foi anunciada pela direção do IPG.

Esclarecimento

Por meio de nota, a direção do Instituto Panamericano de Gestão (IPG) esclareceu que existe atraso de uma única fatura. A fatura está em processo de pagamento, aguardando apenas um documento da empresa Labex. Este documento é fundamental para que a liberação do dinheiro seja realizada.

Sobre as Unidades Básicas de Saúde (UBSs), a direção informa que a gestão não é de responsabilidade do IPG. O Instituto não tem, portanto, envolvimento contratual nos serviços prestados para as UBSs.

"Reforçamos que o novo laboratório do Hospital Municipal de Santarém foi inaugurado com o objetivo de prestar serviço de qualidade, agilidade e alta tecnologia para as duas Unidades hospitalares. Mantendo o planejado, sem interrupções", disse o IPG em nota.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE

Últimas em Cidades

PUBLICIDADE