Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Motorista embriagado avança preferencial, bate em outro carro e deixa adolescente hospitalizada

Acidente de trânsito aconteceu no cruzamento da Avenida Ismael Araújo e Trav. Turiano Meira, em Santarém. Motorista foi levado para a delegacia.

 
 -   head  meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec
head meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec

Uma adolescente de 13 anos foi hospitalizada na noite de sábado (9) após sofrer ferimentos durante um acidente de trânsito no bairro Santíssimo, em Santarém, no oeste do Pará. O carro em que ela estava foi atingido por outro que avançou a preferencial e era conduzido por motorista embriagado.

O acidente aconteceu no cruzamento da Avenida Ismael Araújo com Travessa Turiano Meira. A vítima identificada como Bianka Nunes estava com mais duas mulheres no carro.

Segundo testemunhas, o carro das mulheres seguia na Travessa Turiano Meira quando, ao se aproximar da Avenida Ismael Araújo, o veículo conduzido por Elinaldo de Jesus da Silva Rebelo avançou a preferencial.

Depois de bater em outro carro durante acidente, veículo parou em poste de energia no bairro Santíssimo — Foto: Débora Rodrigues/TV Tapajós Depois de bater em outro carro durante acidente, veículo parou em poste de energia no bairro Santíssimo — Foto: Débora Rodrigues/TV Tapajós

Depois de bater em outro carro durante acidente, veículo parou em poste de energia no bairro Santíssimo — Foto: Débora Rodrigues/TV Tapajós

O Corpo de Bombeiros fez o atendimento às vítimas e encaminhou a adolescente ao Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo. O G1 entrou em contato com a assessoria da unidade hospitalar e aguarda resposta.

O Boletim de Atendimento de Trânsito (Boat) registrou a ocorrência e apresentou o motorista a 16ª Seccional de Polícia Civil.

De acordo com o delegado plantonista, Lucivelton Ferreira, foi constatada a embriaguez ao volante devido a sinais visíveis que o motorista apresentava. Ele foi submetido a exames no Centro de Perícias Científicas Renato Chaves.

Depois de ouvir o motorista, vítimas e Boat, foi arbitrada fiança de dois salários mínimos. Familiares pagaram a quantia pela internet e Elinaldo foi liberado. O caso vai ser comunicado a Justiça para os devidos procedimentos.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE