Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Ataque com drone deixa mortos e feridos em base militar no Iêmen

Seis pessoas morreram e 12 ficaram feridas, segundo a agência AFP.

 

Um ataque com um drone deixou mortos e feridos na base aérea de Al-Anad, no sul do Iêmen, nesta quinta-feira (10). O número de vítimas ainda não foi divulgado oficialmente.

Os rebeldes huthis utilizaram o equipamento para atingir os participantes de um desfile militar. De acordo com a agência France Presse, seis pessoas morreram e 12 ficaram feridas.

"Vimos o drone aterrissando até chegar ao camarote de autoridades. Pensamos que era um equipamento de gravação de vídeo de um canal de televisão que cobria o desfile. De repente, o drone explodiu em frente aos líderes militares", disse à Efe um oficial do Exército que participava do evento.

Drone explodiu durante desfile militar na base aérea de Al-Anad, no Iêmen, na quinta-feira (10)  — Foto: Nabil Hasan / AFPTV / AFP Drone explodiu durante desfile militar na base aérea de Al-Anad, no Iêmen, na quinta-feira (10)  — Foto: Nabil Hasan / AFPTV / AFP

Drone explodiu durante desfile militar na base aérea de Al-Anad, no Iêmen, na quinta-feira (10) — Foto: Nabil Hasan / AFPTV / AFP

De acordo com esse oficial, entre os feridos estão o chefe do Estado-Maior do Exército iemenita, seu vice, o chefe da Inteligência Militar e outros comandantes de alta patente leais ao presidente do país, Abd Rabbuh Mansur Al-Hadi.

As vítimas foram levadas para o hospital Ibn Khaldun de Huta, capital da província de Lahj, de acordo com o relato de uma fonte do centro médico à AFP.

No passado, essa base foi usada por forças especiais americanas para perseguir os membros da Al-Qaeda no Iêmen.

Militar reage após explosão de drone na base aérea de Al-Anad, no sul do Iêmen, nesta quinta-feira (10)  — Foto: Nabil Hasan / AFP / AFPTV Militar reage após explosão de drone na base aérea de Al-Anad, no sul do Iêmen, nesta quinta-feira (10)  — Foto: Nabil Hasan / AFP / AFPTV

Militar reage após explosão de drone na base aérea de Al-Anad, no sul do Iêmen, nesta quinta-feira (10) — Foto: Nabil Hasan / AFP / AFPTV

'Invasores e mercenários'

A emissora de TV "Al Masira", porta-voz dos rebeldes houthis, afirmou que um drone das forças insurgentes atacou "grupos de invasores e mercenários" base aérea de Al Anad.

Os houthis se referem como "invasores" às forças de coalizão militar liderada pela Arábia Saudita e como "mercenários", as tropas do Exército iemenita.


Quer comprar um apartamento num dos centros de Goiânia?

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE