Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Trem de alta velocidade descarrila e deixa feridos na Coreia do Sul

Acidente aconteceu apenas cinco minutos depois de iniciar a viagem; dos 198 passageiros, 14 tiveram ferimentos leves.

 
 -   head  meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec
head meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec

Um trem de alta velocidade descarrilou, neste sábado (8), na região nordeste da Coreia do Sul, deixando 14 pessoas levemente feridas, de acordo com informações da empresa responsável pelo transporte.

O trem, que partiu da cidade de Gangneung às 7h30 (hora local) com destino a Seul, descarrilou, por razões que ainda desconhecidas, apenas cinco minutos depois de iniciar a viagem e no momento do acidente circulava a 103 km/h.

Viajavam 198 passageiros, dos quais 14 ficaram feridos levemente, segundo explicou um porta-voz da Korail, a empresa estatal, responsável pelo transporte ferroviário na Coreia do Sul, à agência de notícias "Yonhap".

Trem que descarrilou em Gangneung, na Coreia do Sul, neste sábado (8). — Foto: You Hyung-jae/AP Trem que descarrilou em Gangneung, na Coreia do Sul, neste sábado (8). — Foto: You Hyung-jae/AP

Trem que descarrilou em Gangneung, na Coreia do Sul, neste sábado (8). — Foto: You Hyung-jae/AP

Todos os feridos foram levados para hospitais próximos onde recebem atendimento médico.

A empresa também informou que está investigando a razão do acidente, que descarrilou os dez vagões que compunham o trem, enquanto o Ministério de Território, Infraestrutura e Transportes enviou já uma equipe própria ao local para realizar suas próprias investigações.

Os passageiros que ficaram ilesos foram transferidos de ônibus para outras estações, já que a linha do trem de alta velocidade KTX funciona normalmente entre as estações de Seul e Jinbu, localizada na província de Gangwon.

É o primeiro acidente nesta linha, que foi inaugurada no dia 22 de dezembro de 2017, e construída para unir Seul a região que acolheu os Jogos Olímpicos de Inverno, em fevereiro deste ano.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE