Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Secretaria da Pesca e Consórcio Portal do Araguaia concluem projeto para a implantação de frigorífico do peixe

 
Nove municípios do Médio Araguaia estão trabalhando em parceria para a implantação do projeto de integração da piscicultura com o objetivo de expandir a produção de peixes em grande escala e garantir a implantação de uma agroindústria (unidade de processamento de pescado) no Distrito Industrial de Barra do Garças.

O projeto foi elaborado pela Secretaria da Pesca e Aquicultura, Consórcio Portal do Araguaia em parceria com a Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM) e protocolada no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, em Brasília, para análise do órgão.

Para a implantação do entreposto, a Secretaria conta com o auxílio do senador Wellington Fagundes para viabilizar a aprovação do projeto orçado em R$ 5 milhões de reais. O valor será destinado para a execução da estrutura física e aquisição de equipamentos frigoríficos, além de um trator de esteira, um pá carregadeira, caminhão e uma caminhonete.

“Quando nos referimos a piscicultura, não podemos nos restringir apenas a Barra do Garças. É preciso pensar como um todo, oferecendo a capacitação, assistência técnica e a instalação do frigorífico do peixe que irá atender os nove municípios. É um projeto grande que estamos trabalhando e buscando os recursos junto a bancada federal para que seja implantado”, disse o secretário de Pesca de Barra do Garças, Paulo Henrique Borges.

A implantação de um frigorifico de peixes na região de Barra do Garças é um antigo sonho de pescadores e pequenos produtores que ainda comercializam o pescado de forma artesanal nas feiras, comércio ou ainda de forma ambulante. Com o frigorifico a produção teria um destino adequado.

Para chegar a esse projeto, a Secretaria da Pesca e Consórcio Portal do Araguaia, sob à presidência do prefeito de General Carneiro, Marcelo Aquino, cumpriram uma série de etapas que envolveu a qualificação dos produtores, desenvolvimento das ações, produção e comercialização do pescado com a construção do entreposto (frigorífico) e a elaboração da planta física pela Coordenação Técnica de Projetos da AMM, sob Ana Catarina de Souza Silva.

O projeto integração da piscicultura já conta com a parceria da Empaer e buscará também o apoio do Sebrae para a realização de cursos de capacitação para mulheres residentes nos assentamentos rurais dos municípios que queiram investir no conhecimento da culinária com peixes.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE

Últimas em Cidades

PUBLICIDADE