Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Crossover de séries da DC terá Batwoman '''de arrepiar''' e troca de corpos '''ambiciosa''', diz elenco

Flash, Supergirl e Arrow se juntarão em episódio que apresenta Ruby Rose como nova e controversa personagem de Gotham City. Ela não se resume à sexualidade , diz Candice Patton.

 
 -   head  meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec
head meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec

Quando surgiu sua primeira imagem de uniforme e cabelos vermelhos ardentes, a Batwoman de Ruby Rose tomou para si quase todo o buzz em torno de "Elseworlds", episódio especial que unirá "Flash", "Supergirl" e "Arrow", tramas da DC Comics na TV.

Não só porque a atriz australiana se tornou sensação no papel de Stella Carlin em "Orange is the new black", mas também pela controvérsia em torno de sua escalação.

A personagem é abertamente lésbica nos quadrinhos desde 2006, e alguns fãs a acusaram de "não ser suficientemente gay" para o papel.

Rose chegou a abandonar o Twitter após as críticas. Antes, chamou os comentários de "ridículos" e disse que se assumiu homossexual aos 12 anos.

"As pessoas sempre acham um motivo para ficar chateadas. Sua sexualidade não é uma questão. A Batwoman não se resume a isso."

A reflexão acima é de Candice Patton, a Iris West de "Flash", que contracena com Rose no crossover.

Em novembro, o elenco da série dedicada ao herói super-veloz se reuniu no set, em Vancouver, no Canadá, para falar com jornalistas, entre outros assuntos, sobre o episódio especial.

Candice Patton, atriz de "Flash", conversa com jornalistas durante intervalo de gravações da série em Vancouver, no Canadá — Foto: Katie Yu/Warner Bros. Entertainment Inc. Candice Patton, atriz de "Flash", conversa com jornalistas durante intervalo de gravações da série em Vancouver, no Canadá — Foto: Katie Yu/Warner Bros. Entertainment Inc.

Candice Patton, atriz de "Flash", conversa com jornalistas durante intervalo de gravações da série em Vancouver, no Canadá — Foto: Katie Yu/Warner Bros. Entertainment Inc.

Por trás de qualquer polêmica, os colegas de cena de Rose vêem uma atriz que "se encaixa perfeitamente" no uniforme da Batwoman, nas palavras do próprio Flash, Grant Gustin. "Ruby parece tão bem no papel quanto acho que ninguém mais poderia ser", acrescentou o ator.

"Eu vi algumas cenas de Gotham City, e como ela se parece com a Batwoman. Foi como se eu tivesse oito anos de novo. Eu amo 'Batman' e amo Gotham City. Então, vendo tudo isso, fiquei arrepiado", elogiou Hartley Sawyer, o Ralph Dibny de "Flash".

Uniformes trocados

Apesar de todo o burburinho, os acontecimentos em Gotham são só parte coadjuvante do crossover.

Grant Gustin, Stephen Amell e Melissa Benoist em imagem de 'Elseworlds' — Foto: Divulgação/CW Grant Gustin, Stephen Amell e Melissa Benoist em imagem de 'Elseworlds' — Foto: Divulgação/CW

Grant Gustin, Stephen Amell e Melissa Benoist em imagem de 'Elseworlds' — Foto: Divulgação/CW

De acordo com a sinopse oficial, a história é centrada em uma perturbação na linha do tempo que provoca uma troca de corpos entre Barry Allen, o Flash, e Oliver Queen, o Arqueiro Verde (Stephen Amell).

Em uma saga para resolver a confusão com a ajuda da Supergirl, a trama mostrará ainda:

  • Clark Kent (Tyler Hoechlin) e a repórter Lois Lane (Elizabeth Tulloch) - será a estreia dela nesse universo
  • Heróis com visuais clássicos dos anos 1990, incluindo o Flash do ator John Wesley Shipp
  • O Monitor (LaMonica Garrett), personagem descrito nos quadrinhos da DC como tão antigo quanto o próprio universo
  • Uma batalha final gradiosa envolvendo o Superman em um traje preto

Grant Gustin e Stephen Amell aparecem com uniformes trocados em pôster do crossover 'Elseworlds' — Foto: Divulgação/CW Grant Gustin e Stephen Amell aparecem com uniformes trocados em pôster do crossover 'Elseworlds' — Foto: Divulgação/CW

Grant Gustin e Stephen Amell aparecem com uniformes trocados em pôster do crossover 'Elseworlds' — Foto: Divulgação/CW

"[O enredo] é ambicioso, mas também divertido", contou Gustin, empolgado principalmente com a troca temporária de figurinos com Amell. Os dois já apareceram com uniformes alternados em uma imagem oficial do episódio.

"Foi legal usar um traje diferente. Os uniformes de super-heróis são conhecidos por serem desconfortáveis, mas a roupa dele é como um pijama comparada à minha."

Na pele do Arqueiro, o ator também precisou enfrentar mais cenas de luta do que de costume. "Tive umas quatro lições de boxe na minha vida e tive que brigar com uns caras em quem não conseguiria bater de jeito nenhum."

Grant Gustin conversa com jornalistas durante intervalo de gravações em Vancouver — Foto: Katie Yu/Warner Bros. Entertainment Inc. Grant Gustin conversa com jornalistas durante intervalo de gravações em Vancouver — Foto: Katie Yu/Warner Bros. Entertainment Inc.

Grant Gustin conversa com jornalistas durante intervalo de gravações em Vancouver — Foto: Katie Yu/Warner Bros. Entertainment Inc.

Segundo ele, a experiência em "Glee" - Gustin interpretou Sebastian Smythe na série musical - ajudou a "coreografar" as sequências violentas.

"Acho que a minha experiência com dança tornou mais fácil a operação de assistir às cenas de luta, memorizá-las e tentar recriá-las como em uma coreografia, mesmo que eu não costume fazer essas coisas."

No Brasil, a Warner exibirá "Elseworlds" em três partes seguidas, no dia de 16 de dezembro. O episódio irá ao ar antes nos Estados Unidos, em três dias: 9, 10 e 11 deste mês.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE