Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Acidente de trânsito mata 11 migrantes no norte de Grécia

Caminhonete que levava vítimas estava sobrecarregada, bateu em caminhão que vinha no sentido contrário e explodiu em chamas.

 
 -   head  meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec
head meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec

A polícia grega informou que 11 migrantes morreram neste sábado depois que a caminhonete que os transportava bateu em um caminhão no norte da Grécia.

O motorista do caminhão foi transferido com vida para um hospital, enquanto todos os ocupantes da caminhonete morreram. Quatro deles viajavam no porta-malas.

O acidente aconteceu pouco depois das 5h (23h de sexta-feira em Brasília) perto da cidade de Kavala, muito perto da fronteira com a Turquia.

A caminhonete, que estava sobrecarregada, ia em direção a Salonica quando, por motivos ainda desconhecidos, se chocou com o caminhão, que vinha no sentido contrário, e explodiu em chamas.

Pessoas observam caminhão queimado após acidente que matou 11 pessoas na Grécia — Foto: Elias Kotsireas/Intimenews via REUTERS Pessoas observam caminhão queimado após acidente que matou 11 pessoas na Grécia — Foto: Elias Kotsireas/Intimenews via REUTERS

Pessoas observam caminhão queimado após acidente que matou 11 pessoas na Grécia — Foto: Elias Kotsireas/Intimenews via REUTERS

Migração em massa

Nos últimos meses, a entrada de migrantes e refugiados pela fronteira terrestre com a Turquia se multiplicou. Segundo dados do Ministério de Migração, entre janeiro e setembro chegaram 12 mil pessoas por essa região, mas que o dobro dos 5.500 registrados durante todo 2017.

Nesse período, a polícia deteve no norte da Grécia 1.190 traficantes, aos quais se somaram outros 30 durante a primeira semana de outubro.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE