Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Polícia Civil de Óbidos deflagra ‘Operação Kairos’ e prende suspeito de assassinato

Denilson de Almeida Freitas foi assassinado com golpes de pedaço de madeira no dia 30 de setembro, no bairro São Francisco. Suspeito foi preso nesta sexta-feira 12 .

 
 -   head  meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec
head meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec

A Polícia Civil de Óbidos, no oeste do Pará, deflagrou na manhã desta sexta-feira (12), a ‘Operação Kairos’, para cumprir mandado de prisão preventiva contra o suspeito do assassinato de um homem no dia 30 de setembro, no bairro São Francisco, próximo ao bar Dama da Noite.

O suspeito Romarlisson Amarante de Souza, conhecido pelo apelido “Fifito”, de 25 anos de idade, teria matado Denilson de Almeida Freitas, com agressões praticadas com um pedaço de madeira na cabeça.

De acordo com a PC, a prisão de Romarlisson não foi feita na época do crime, uma vez que o mandado de prisão foi expedido durante o período de vedação eleitoral (cinco dias antes até 48 horas depois das eleições). A equipe da Civil ficou, então, monitorando o suspeito até esta sexta-feira (12), quando foi preso em sua residência, no bairro São Francisco.

Romarlisson disse à Polícia que teria matado a vítima por causa de um terçado (Uma designação para facão), que ela não queria devolver.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE