Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

POLÍTICA

Citados em delações e envolvidos em processos não são reeleitos

 
 -
Uma série de políticos citados em delação e envolvidos em processos ligados a corrupção não conseguiu se reeleger no pleito deste ano.

O deputado estadual Mauro Savi (DEM), que foi o parlamentar mais votado em 2014, com 55 mil votos, teve votação pífia e não conseguiu manter o mandato na Assembleia Legislativa.

Os pouco mais de 11 mil votos não foram suficientes para elegê-lo na chapa do governador eleito Mauro Mendes (DEM), uma das mais disputadas.

Savi esteve preso entre o dia 9 de maio e 22  de agosto, acusado de integrar um esquema de desvios de recursos no Detran na ordem de R$ 30 milhões descoberto pela Operação Bereré.

Já o deputado Oscar Bezerra (PV) obteve pouco mais de 11 mil votos. No pleito anterior, foi eleito com 20.351 votos. O ex-governador Silval Barbosa declarou, em sua delação premiada, que Oscar cobrou propina de R$ 15 milhões para que ele não fosse indiciado na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apurou irregularidades nas obras da Copa do Mundo de 2014.

Outro citado por Silval foi o deputado federal Ezequiel Fonseca (PP). O parlamentar apareceu em um vídeo recebendo dinheiro que seria oriundo de propina. Ele chegou a ser hostilizado durante o processo eleitoral

O mesmo destino teve Gilmar Fabris (PSD), que foi condenado pelo Tribunal de Justiça em junho deste ano, por um esquema de corrupção na Assembleia Legislativa.

Veja a lista completa:

ROMOALDO JUNIOR - 18467 VOTOS - Citado na delação de Silval Barbosa; alvo da Operação Bereré e de outros processos

SILVANO AMARAL - 18068 VOTOS - Citado na delação de Silval Barbosa, acusado de cobrar dinheiro para ajudar na aprovação das contas de Governo de 2014

PEDRO SATELITE - 13860 VOTOS - Citado por José Riva entre os deputados que recebiam mensalinho

ZECA VIANA - 12603 VOTOS - Alvo da Operação Déjà Vu, acusado de usar notas frias para gastos com verbas indenizatórias

OSCAR BEZERRA - 11827 VOTOS - Citado por Silval Barbosa por cobrar propina de R$ 15 milhões

MAURO SAVI - 11683 VOTOS - Alvo da Bereré e beneficiado por esquemas no Detran; acusado de receber mensalinho

WAGNER RAMOS - 8049 VOTOS - Citado em delação de Silval, acusado de pedir R$ 10 milhões para que o ex-gestor não fosse indiciado na CPI das Obras da Copa

DALTINHO - 7528 VOTOS - Citado em delação de Silval. Acusado de ter gravado uma reunião em que parlamentares da gestão passada discutiam como fariam para receber mais “mensalinhos” do Executivo, e usado a gravação para se manter no mandato, uma vez que era suplente na época

GILMAR FABRIS – 22.913 - Aparece em vídeo recebendo suposta propina; condenação a 6 anos e 8  meses pela prática de peculato

EZEQUIEL FONSECA - 32410 VOTOS - Aparece em vídeo recebendo maços de dinheiro que seriam mensalinho para os deputados estaduais.


Midia News

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE