Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Eclipse parcial do sol é registrado no hemisfério Norte

Fenômeno pode ser avistado de diversos pontos na Europa e na Ásia, embora céu encoberto tenha atrapalhado observação em alguns países. Yakutsk, na Rússia, foi um dos melhores lugares para visualização.

 
 -  Eclipse parcial do sol visto de Xangai, na China, no sábado  11   Foto: Reuters/Aly Song
Eclipse parcial do sol visto de Xangai, na China, no sábado 11 Foto: Reuters/Aly Song

Um eclipse solar parcial foi registrado no hemisfério Norte neste sábado (11). Um dos locais de melhor visualização foi Yakutsk, na Rússia, onde 57% da superfície solar chegou a ficar encoberta.

O fenômeno também pode ser observado de diversos pontos da Europa e da Ásia, com variados graus de visibilidade. Mas em alguns locais o excesso de nuvens prejudicou a experiência, como no norte das ilhas britânicas.

Eclipse parcial do sol visto de Xangai, na China, no sábado (11) (Foto: Reuters/Aly Song) Eclipse parcial do sol visto de Xangai, na China, no sábado (11) (Foto: Reuters/Aly Song)

Eclipse parcial do sol visto de Xangai, na China, no sábado (11) (Foto: Reuters/Aly Song)

Cientistas membros da União Astronômica Internacional (IAU, na sigla em inglês), posicionados em países como Suécia, Austrália e China relataram suas diferentes observações, de acordo com comunicado da Williams College, dos Estados Unidos.

Em Zhou Guanhuai, na China, por exemplo, o eclipse ocorreu apenas 25 minutos antes do pôr do sol, com o céu encoberto por nuvens, e observadores e fotógrafos tiveram uma janela de apenas três a quatro minutos para fotografar o fenômeno com nitidez, já se aproximando da linha do horizonte.

O Grupo de Trabalho da União Astronômica Internacional sobre Eclipses Solares, existente de alguma forma desde a formação da IAU há 99 anos, inclui membros dos EUA, Canadá, Inglaterra, Eslováquia, Rússia, Japão, China, Índia e França.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE