Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Funcionários de empresa de valores protestam contra demissões de agentes que estavam em carro-forte assaltado

Assalto ao carro que transportava valores foi no dia 5 de julho na BR-010. A empresa Prossegur informou que demitiu os agentes de segurança em função do que considerou uma grave quebra de procedimento de segurança por parte dos colaboradores.

 

Funcionários fizeram um protesto na porta de uma empresa de transporte de valores em Castanhal, nordeste do estado, nesta quarta-feira (11). Eles impediram a saída de veículos que iriam abastecer de dinheiro agências bancárias da região. A manifestação foi contra a demissão por justa causa de quatro agentes que estavam no carro-forte assaltado na semana passada na BR-010, próximo ao município de Irituia, no nordeste do Pará. Em nota, a empresa Prossegur informou que as demissões foram em função do que a empresa considerou uma grave quebra de procedimento de segurança por parte dos colaboradores

Os bandidos usaram armamento pesado e dinamite para explodir o carro, e roubaram malotes de dinheiro. De acordo com o sindicato que representa os vigilantes, os trabalhadores não teriam chance de reagir porque usariam armas com tecnologia defasada. De acordo com a Polícia Civil, cinco homens teriam participado do assalto. O veículo usado no crime foi encontrado em um ramal próximo a Irituia.

Segundo a Prossegur, foi quebrado um procedimento de segurança pelos colaboradores para o qual todos que atuam neste tipo de serviço são exaustivamente treinados. A empresa disse ainda que a equipe em questão colocou em risco a vida uns dos outros durante a ação, por quebrar este protocolo, que é obrigatório.

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do G1 Pará no (91) 98814-3326

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE