Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Cidades do Centro-Oeste têm atividades especiais no Dia Nacional de Combate à Pedofilia

Marcado para o dia 18 de maio, Divinópolis, Itaúna, Carmo do Cajuru e Pompéu estão entre os municípios.

 
 -  Data visa conscientizar a população para denunciar o crime  Foto: Reprodução/G1
Data visa conscientizar a população para denunciar o crime Foto: Reprodução/G1

O Dia Nacional de Combate à Pedofilia, marcado para o dia 18 de maio, terá atividades especiais em algumas cidades do Centro-Oeste de Minas. Confira a programação:

Divinópolis

Na maior cidade do Centro-Oeste, a data será marcada pela Caminhada “Todos Contra a Pedofilia” que acontece anualmente há 10 anos. Organizada pelo promotor de Justiça da Vara da Infância e da Juventude do Ministério Público na cidade, Carlos José Fortes, o evento reúne a sociedade civil organizada do município em um ato popular a favor da criminalização da pedofilia. A concentração será a partir das 8h do dia 18 na Praça da Catedral. O início da caminhada está previsto para as 9h.

Itaúna

A data será marcada por ações de ampliação das estratégias de proteção e acolhimento de crianças e adolescente, que serão promovidas pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) da cidade.

No dia 18, às 9h, será realizado o plantio de mudas de gérberas amarelas, planta símbolo da mobilização nacional. Segundo a Prefeitura, a mobilização também será realizada nas escolas e nas unidades de saúde do município.

Além disso, a especialista em Educação Sexual e Enfrentamento da Violência Sexual Infanto-juvenil, Caroline Acari, estará no município no dia 28 de maio para uma capacitação de profissionais da assistência social, saúde e educação da rede pública.

Carmo do Cajuru

A Secretaria de Promoção Social e Defesa Civil do município realizará no sábado (19) o projeto “Na Corrida Contra a Pedofilia”. Realizado pelo Centro de Referência de Assistência Social (Cras), Centro Especializado de Assistência Social (Creas) e Conselho tutelar da cidade, o projeto contará com exposições de trabalhos de grupos de artesanatos, capoeira, música e corrida infanto-juvenil contra a pedofilia.

Pompéu

Na cidade, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social realizam a Semana Municipal de Enfrentamento ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Até o dia 18 serão realizadas palestras em todas as escolas do município. Já nos dias 16 e 17 será realizada uma blitz educativa para divulgar a data. No dia 18, acontece uma passeata de conscientização ao enfrentamento ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Data

O dia 18 de maio foi escolhido para marcar o Dia Nacional de Combate à Pedofilia devido ao “Caso Araceli” em Vitória, no Espírito Santo. O fato ocorreu em 1973 e chocou o país já que a menina Araceli, de oito anos, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta. O processo foi arquivado em 2017.

Dados nacionais

De acordo com o Ministério dos Direitos Humanos, entre 2015 e 2016 foram registradas 37 mil denúncias de violência sexual na faixa etária de 0 a 18 anos pelo Disque 100. Em 2016, foram 17,5 mil casos. A maior parte das denúncias é referente aos crimes de abuso sexual (72%) e exploração sexual (20%). As demais ligações estavam relacionadas a outras violações, como pornografia infantil, sexting, grooming, exploração sexual no turismo e estupro.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE